26 agosto 2015

Organização parceira usa da música como formação cidadã

Em 2002 surgiu o projeto “Um Som em Cada Canto” da Associação Comunitária do Guarani (organização social parceira do ChildFund Brasil no CE) para desenvolver um trabalho de formação musical. As crianças e adolescentes da região (Campos Sales), em sua maioria filhos de agricultores não tinham contato com nenhum tipo de contato com arte ou cultura, daí surgiu o projeto com o intuito de educar por meio da arte.
As oficinas começaram com 150 crianças de 7 a 17 anos que praticavam a flauta doce e, com o decorrer do desenvolvimento dos jovens, foi-se estimulando o uso de novos instrumentos de sopro, cordas e percussão. Assim surgiu a Orquestra de Flautistas Guarani em 2005.
A iniciativa pioneira da Associação Comunitária do Guarani já transformou e vem transformando a realidade social de várias crianças e adolescentes. Hoje os jovens de Campos Sales não veem a música apenas como uma oportunidade de desenvolver suas qualidades artísticas, mas como também a sua formação cidadã






25 agosto 2015

Jovem apadrinhada é convidada a um debate na Câmara Municipal do Crato sobre a redução da maioridade penal

Maria Antônia Furtado é uma jovem de 14 anos beneficiada pela SOAFAMC – Sociedade de Apoio a Família Carente (organização parceira do ChildFund Brasil no CE). No mês de abril deste ano ela foi a representante do ChildFund Brasil na Conferência Internacional da ONU em Nova Iorque onde falou sobre a violência contra crianças e adolescentes.
No último dia 15, Maria Antônia foi convidada para participar de um debate sobre a proposta da redução da maioridade penal na Câmara Municipal do Crato (CE). Lá ela levantou temas como a violência e as falhas nos cuidados das crianças e adolescentes. 


Segundo a jovem, o jovem marginalizado surge da privação de direitos básicos, como educação, saúde e moradia. A redução da maioridade penal seria apenas uma maneira de transferir o problema, usando a cadeia no lugar de escolas, e, com o encarceramento precoce, será tirada a chance daqueles adolescentes se tornarem cidadãos conscientes de seus direitos e deveres.
Outro agravante ressaltado durante o debate foi o da superlotação das prisões. As condições desumanas que podem ser enfrentadas nesse tipo de lugar têm chances muito maiores de levarem à reincidência do que quando aplicadas medidas socioeducativas. Para finalizar, a jovem ainda alertou que “os adolescentes são as maiores vítimas, e não os principais autores da violência”.

Organização parceira realiza Oficina de Cartas para os padrinhos

No dia 17 de agosto o Conacreje (organização social parceira do ChildFund Brasil no Vale do Jequitinhonha – MG) realizou a Oficina de Cartas em que as crianças e adolescentes tiraram o dia para escrever cartinhas para seus padrinhos e madrinhas.
Para inspirar os jovens, o evento contou com uma programação muito animada! As atividades desenvolvidas incluíram peteca, brincadeiras de corda, elástico e pula-pula. Confira como foi esse dia:










20 agosto 2015

Rede de Juventude do ChildFund Brasil elege sua representante de Fortaleza

O que é a Rede de Juventude do ChildFund Brasil?

A Rede de Juventude é composta por jovens de todo o país que participam do Monitoramento Jovem de Políticas Públicas – MJPOP. Nessa tecnologia social os jovens desenvolvem o protagonismo juvenil, engajando os adolescentes na luta pela efetivação das políticas e serviços públicos.

Fique por dentro do que acontece na Rede de Juventude do ChildFund Brasil: https://goo.gl/pjHo6j


 



Conferência Municipal de Juventude

No dia 14 de agosto a Rede de Juventude do ChildFund Brasil realizou a 3ª Conferência Municipal de Juventude com o tema “A juventude vive a cidade”. Lá se reuniram jovens de diversos municípios para discutir, analisar, reivindicar e propor ações voltadas para as políticas públicas da juventude.

Durante a conferência também foi eleita a representante municipal da Rede de Juventude de Fortaleza por meio de votos diretos. Letícia Luigi, do Pbec (organização social parceira do ChildFund Brasil no CE), é a nova delegada por ter mostrado seu espírito de liderança. Vamos continuar lutando em prol de nossos direitos!


13 agosto 2015

Organização parceira promove atividades culturais durante as férias

Durante 15 dias a equipe de técnicos e voluntários da AUPP (organização social parceira do ChildFund Brasil no CE) se mobilizou para que o máximo de crianças apadrinhadas participassem das atividades nas férias. Assim, mais de 400 crianças e adolescentes de 0 a 24 anos participaram das atividades da organização. 


A programação contou com recreação, brinquedoteca, atividades de educação e meio ambiente, cinema itinerante, futsal, natação e diversas oficinas, como do projeto Olhares em Foco, de escovação, de educação no trânsito e de consumo consciente da água.
Os jovens adoraram as atividades culturais e educativas e, portanto, todo o esforço da equipe organizadora valeu a pena!


12 agosto 2015

Criança apadrinhada dá depoimento sobre sua história

Pedro Leonel tem apenas 13 anos de idade, mas já carrega em sua bagagem muitas histórias, sonhos e uma lição para ensinar: “Não consigo ficar inimigo de ninguém, nunca. Quando estou triste vou para a SOAF (organização social parceira do ChildFund Brasil), converso com meus amigos e professores. E quando vejo, já estou amigo da pessoa de novo! Descobri que não consigo guardar raiva.”


Nascido no sertão do Cariri, ele é um menino alegre e simpático, apaixonado por esportes. O maior sonho? “Ser jogador de futebol, como o Neymar!” conta. 
A projeção do futuro, porém, não apaga lembranças de um passado próximo.  Há algum tempo atrás Pedro não tinha cama e mobiliários de quarto, e por isso, dormia na rede de sua casa. “Minha madrinha me deu um quarto, com cama, colchão, armário, tudo. Porque antes eu não tinha! Ela é muito boa e eu gosto muito dela.
Se pudesse mandar uma mensagem para alguém que não conhece, o que Pedro falaria? 
Que não desista de seus sonhos, nunca!”, diz.